Home Planta faz bem e mal
Principais Cuidados com as plantas

Tem planta que faz bem e Tem planta que faz mal


Principais cuidados na hora de usar

O uso pouco cuidadoso de plantas medicinais, seja pelo conhecimento insuficiente do assunto, pela má informação ou mesma pela falsa idéia de que "oque é natural, se não fizer bem, mal não faz", tem causado certos efeitos indesejados como intoxicações ou mesmo a ausência de resposta mendicamentosa esperada.

Para que você possa utilizar melhor as plantas medicinais, estmaos divulgando algumas infomações e recomendações úteis:

  1. Utilize somentes plantas medicinais conhecidas;
  2. Procure conhecer a parte da planta que serve como remédio (raiz, caule, folha ou flor);
  3. Não colete plantas medicinais nas margens dos rios, córregos poluídos ou esgostos, bem como na beira de estradas, por causa das substâncias tóxicas desprendidas da fumaça que sai dos carros;
  4. Tenha cuidado ao comprar plantas medicinais, observando sempre o seu estado de conservação (se não tem mofo, insetos, etc.);
  5. Procure conhecer o modo de preparar as plantas utilizadas colo remédio (infusão, cozimento, etc.);
  6. Lembre-se que as plantas medicinais, mesmo quando indicadas corretamente para uma doença, podem provocar efeitos indesejáveis ao organismo se forem tomadas em grandes quantidades e muito concentradas;
  7. O tempo dfe tratamento vai variar de acordo com a doença e com a reação do organismo ao tratamento. Em caso de doença que requeira um tratamento prolongado, procure sempre acompanhamento médico;
  8. Prepare o chá de preferência em vasilha de barro, esmaltada ou de vidro refratário (que possa ser levado ao fogo);
  9. De preferência, não adoce os chás. Caso queira adoçá-los, use açucar mascavo (escuro), rapadura, ou mel de abelhas;
  10. Os chás, quando indicados para problemas digestivos devem ser tomados frios e sem açucar;
  11. Os chásindicados para gripe, bronquite e febre, deve ser tomados ainda quentes;
  12. Evite chás para crianças que estejam em aleitamento materno até os 6 meses de idade;
  13. Procure conhecer as plantas que são tóxicas;
  14. Esteja atento na hora de usar as plantas, observando se a indicação é para o uso interno (para beber) ou externo (compressa, cataplasma, etc.), ou ambas;
  15. Não substitua imediatamente o remédio dado pelo seu médico por plantas indicadas por amigos. Procure antes conversar com seu médico.